please wait...

Energia | MaxCreditus

ENERGIA

Eletricidade
Gás

Fique a conhecer os fornecedores do mercado livre de eletricidade e gás natural mais competitivos do mercado livre energético, saiba qual a empresa de energia com tarifas de eletricidade mais barata e conheça também as distribuidoras de eletricidade e gás natural do mercado português.

Eletricidade

Condições de excelência a preços competitivos
Escolher a Empresa de Energia no Mercado Livre.
Com a abertura total do mercado livre de energia, a 4 de setembro de 2006, todos os consumidores têm o direito de escolher o seu comercializador de energia elétrica.
A MaxCreditus irá ajudá-lo a conhecer os fornecedores no mercado liberalizado em Portugal, a comparar todas as tarifas de eletricidade e ajudá-lo na contratação da proposta mais vantajosa para si.
Pedir Simulação

O que fazemos por você?

Análise do perfil de consumo do Cliente

Negociação com comercializadores em nome do Cliente

Apresentação das melhores propostas para avaliação do Cliente

Tratamos de toda a burocracia envolvida

Acompanhamento do Cliente ao longo do contrato

Sem necessidade de utilizar os call centers da comercializadora

Um único intermediário

Projeto e dimensionamento de sistemas de produção de Energia

Como poupar eletricidade?

Para além da escolha da empresa de electricidade mais barata, usufruindo do melhor preço por kWh e do termo fixo diário mais económico, e para além de adequar a potência elétrica instalada às necessidades reais da casa, a melhor solução para poupar eletricidade reside na sua melhor utilização.

Dicas para economizar energia elétrica.

Usar equipamentos de classe energética AAA;

Optar por iluminação led;

Evitar deixar eletrodomésticos em standby;

Usar equipamentos de lavagens (roupa/loiça) na sua capacidade máxima;

Abrir janelas no final do dia, para arejar a casa e poupar em ar condicionado;

Desligar sempre as luzes nas divisões da casa onde não está ninguém.

INSTALAÇÃO DE SISTEMAS DE ENERGIA SOLAR.

SISTEMAS FOTOVOLTAÍCOS DE ENERGIA SOLAR.

Instalação de sistemas ligados à rede

Instalação de sistemas remotos

Desenvolvimento de soluções integradas BIVP

SISTEMAS TÉRMICOS DE ENERGIA SOLAR.

Instalação de termossifão

Instalação de sistemas forçados

Soluções integradas com as necessidades do cliente

PROJETOS DE SISTEMAS DE PRODUÇÃO DE ENERGIA.

PRODUÇÃO ENERGÉTICA.

Estudo de soluções para áreas remotas

Integração de tecnologias para áreas sem acesso a rede elétrica

Instalação de soluções integradas

Responsabilidade técnica de instalações elétricas

  1. Projetos Elétricos
  2. Responsabilidade de PTs

COMPENSAÇÃO DO FATOR POTÊNCIA.

Com baterias bem dimensionadas, obterá retorno no investimento a partir dos seis meses.

ENERGIA REATIVA.

Medida em KVArh

Utilizada para alimentar circuitos magnéticos presentes em;

  1. Motores
  2. Compressores
  3. Balastros

SOLUÇÃO:

Colocação de baterias de condensadores ou filtros harmónicos

Redução nos custos da sua fatura

Aumento da energia ativa

ÁGUAS QUENTES & SANITÁRIAS.

PAINÉIS SOLARES TERMODINÂMICOS.

Não necessitam de luz solar

Produzem energia 24 horas por dia

Redução de custos energéticos em 80%

Ideal para grandes e pequenos consumidores de água

Climatização de espaços

Água quente para todos, 24 horas por dia

Aquecimento de piscinas

Com a possibilidade de soluções financeiras

Otimização energética

PROJETOS DE ILUMINAÇÃO.

Trabalhamos com os melhores fabricantes de Díodo Emissor de Luz (LED), disponibilizando as seguintes vantagens:

ILUMINAÇÃO.

Maior eficiência energética

Redução da emissão de carbono

Redução de custos de 70-80%

Redução de despesas de manutenção

Iluminação de qualidade

MONITORIZAÇÃO DE CONSUMOS DE ENERGIA.

MONITORIZAÇÃO DE CONSUMOS

Este sistema permite saber o que consome e onde consome

Monotorização de consumos em tempo real

Acompanhamento de consumos com alertas

Relatórios

Gráficos

Avaliação de custos energéticos

Análises comparativas

Descarga de ficheiros em diferentes formatos

Gás

Comparar os fornecedores de gás natural

Os clientes do mercado livre podem comparar os fornecedores de gás natural e mudar o seu contrato de forma a satisfazer as suas actuais necessidades. Além disso, ao mudarem, vão conseguir poupar com a conta do gás, pois ao encontrarem uma tarifa de gás mais barata, podem solicitar uma troca sem custos e, assim, melhorar o seu contrato.

Pedir Simulação

Com a liberalização do setor, a atividade de comercialização de gás natural foi aberta aos agentes de mercado que preencham os necessários requisitos, e é a última etapa da cadeia de fornecimento de gás natural e aquela que se relaciona diretamente com os consumidores.

Os consumidores podem escolher o seu comercializador e mudar sempre que encontrarem ofertas comerciais mais adequadas ao seu tipo de consumo, sem qualquer custo.

Os comercializadores formam as suas ofertas comerciais livremente.

Mudar de tarifas de gás no mercado livre

Pode e deve mudar a sua tarifa de gás sempre que encontrar uma opção melhor que a que tem contratada. Este é um procedimento de alteração do contrato de gás é gratuito e pode ser feito quantas vezes o cliente assim o entender. No mercado livre não existe fidelização, portanto, não hesite em mudar de tarifa e de fornecedor sempre que quiser.

Para mudar de tarifa de gás deve apresentar os seguintes dados:

Fatura anterior (onde contam os dados do antigo titular, morada e CUI);

Escritura ou certificado de arrendamento do imóvel;

Meio de pagamento.

melhor fornecedor de gás será aquele que ofereça a melhor tarifa de gás natural com os melhores descontos e condições. Os clientes podem mudar de companhia e aderir à tarifa de gás com mais vantagens do mercado sempre que quiserem.

O que é o mercado livre e quais as vantagens?

O mercado livre de energia permite a existência de várias empresas a comercializar eletricidade e gás natural. Ao permitir a introdução de concorrência, tem como o objetivo final promover a redução dos preços a que a energia é fornecida, bem como aumentar a qualidade do serviço.

O Cliente pode, assim, escolher livremente qual o comercializador que oferece a solução mais adequada às suas necessidades, sem que a qualidade do fornecimento e dos serviços técnicos associados seja afetada.

Tenho algum custo se mudar de comercializador no mercado livre?

Não. Nos termos da legislação em vigor, a mudança de comercializador não tem qualquer custo para si.

Qual a diferença entre o mercado regulado e o mercado livre?

No mercado regulado, as tarifas praticadas pelos comercializadores de gás natural e eletricidade são definidos pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), que os revê anualmente.

No mercado livre cada comercializador, respeitando as regras da concorrência, a lei geral e o Regulamento das Relações Comerciais, tem autonomia para definir preços e condições comerciais.

A qualidade do fornecimento pode ser afetada com a mudança de comercializador?

As características do fornecimento estão relacionadas com as redes de distribuição de eletricidade, não se alterando em função do comercializador.

Como funciona o mercado da eletricidade em Portugal?

A cadeia de valor da eletricidade no nosso país compreende a sua produção, transporte, distribuição, comercialização e consumo. Sendo produzida através de várias fontes de energia e com recurso a diferentes tecnologias, a eletricidade gerada é injetada em tempo real na rede de transporte e depois é conduzida até ao local onde acontecerá o seu consumo.

Atualmente os consumidores residenciais tem acesso a três tipos de tarifas diferentes: a tarifa simples, na qual se o preço da eletricidade é o mesmo para todas as horas do dia, a tarifa bi-horária, na qual a energia tem dois períodos horários de consumo com preços da electricidade distintos, e ainda a tarifa tri-horária, que contempla três valores por kWh diferentes consoante o período horário de consumo.

Fornecedores de eletricidade: qual a diferença entre distribuição e comercialização?

A distribuição de eletricidade consiste no transporte de eletricidade até às instalações consumidoras. O transporte de energia elétrica inclui o desenvolvimento, exploração e manutenção da Rede Nacional de Transporte de Eletricidade (RNT), fazendo a coordenação das instalações de produção e de distribuição. Em Portugal, a atividade de transporte de eletricidade é concessionada pelo Estado português em exclusivo e em regime de serviço público.

A comercialização consiste na compra e venda de eletricidade, com a finalidade de servir o cliente final. Os comercializadores podem livremente comprar e vender eletricidade, sendo responsabilidades destas a definição do preço do kWh de electricidade a oferecer aos seus clientes. Nesse sentido, têm direito de acesso às redes de transporte e distribuição, mediante o pagamento de tarifas reguladas. Os consumidores podem livremente escolher o seu comercializador.

Qual o IVA da eletricidade?

O IVA da eletricidade está fixado em 23% para os montantes variáveis a pagar em função do consumo e as componentes fixas dos fornecimentos de eletricidade cuja potência ultrapasse 3,45kVA.

Já para a componente fixa das tarifas de acesso às redes nos fornecimentos de eletricidade correspondentes a uma potência contratada que não ultrapasse os 3,45 kVA, o IVA da eletricidade fixa-se em 6%.

Tenho que pagar IVA da eletricidade?

O consumidor particular tem que pagar todos os impostos inerentes ao fornecimento de energia conforme a legislação em vigor.

O consumidor empresarial dependendo do fornecedor de energia poderá optar pelo pagamento do IVA.

Solicite mais informações.

O que é potência contratada

A potência contratada é escolhida pelo consumidor, correspondendo esta à potência máxima que limita o funcionamento em simultâneo de equipamentos elétricos, uma correta simulação do consumo de eletricidade é essencial para garantir a adequação do serviço ao dia-a-dia das famílias.

A título ilustrativo de potenciais resultados do simulador de eletricidade, poder-se-á apresentar o seguinte conjunto de exemplos:

  • 3,45 kVA – utilização em simultâneo de um frigorífico, uma máquina de lavar (roupa ou loiça), uma televisão e um computador;
  • 4,6 kVA – um frigorífico, uma máquina de lavar (roupa ou loiça), um micro-ondas ou um aquecimento, até duas televisões e um computador;
  • 5,75 kVA – um frigorífico, uma máquina de lavar (roupa ou loiça), um forno ou um aquecimento, até três televisões e dois computadores;
  • 6,9 kVA – um frigorífico, uma arca congeladora, uma máquina de lavar (roupa ou loiça), uma placa elétrica ou até dois aquecimentos, três televisores e dois computadores;
  • 10,35 kVA – um frigorífico, uma arca congeladora, uma máquina de lavar loiça, uma máquina de lavar roupa, uma placa elétrica ou até três aquecimentos, dois televisores e dois computadores.

De ressalvar que o processo de alteração de potência é totalmente gratuito para os consumidores. No entanto, é fundamental perceber que quanto mais elevado seja a potência, mais dispendiosa se tornará a tarifa. 

Tarifas de electricidade: quais as diferenças entre tarifa simples, bi-horária e tri-horária?

Os clientes residenciais têm ao seu dispor três tipos de tarifas de eletricidade: tarifa simples, tarifa bi-horária e tarifa tri-horária.

Tarifa simples: A energia elétrica tem sempre o mesmo preço, independentemente da hora do dia em que está a ser consumida.

Tarifa bi-horária: A energia elétrica pode ter dois preços, conforme os períodos horários de consumo, que correspondem ao período de horas de Vazio, no qual é energia apresenta um custo menor, dado que neste intervalo de tempo geralmente o consumo é mais baixo; e o período das horas de Fora de Vazio, em que a energia tem um custo superior, que corresponde um limite horário em que o consumo é maior. As tarifas bi-horárias podem ser diárias ou semanais, dividindo-se as horas em dois grupos com preços diferentes.

Tarifa tri-horária: Segue a mesma lógica da tarifa bi-horária, com três intervalos de tempo em que o consumo de energia elétrica apresenta preços diferentes, nomeadamente: as horas de Vazio, com energia com um preço inferior; as horas Cheias, com um custo intermédio; e as horas de Ponta, com o preço mais elevado. À semelhança das tarifas bi-horárias, as tarifas tri-horárias podem ser diárias ou semanais, dividindo-se as horas em três grupos com preços diferentes, sendo que o objetivo é fomentar o crescimento do consumo nos horários em que menos kWh são consumidos.

O que significa horas de Vazio, Cheias e Ponta?

A eletricidade não tem sempre o mesmo custo. A cada período é atribuído um preço que está diretamente relacionado com a procura de energia elétrica no mercado nacional.

As horas de Vazio dizem respeito aos horários em que há um menor consumo de energia elétrica, as horas Cheias correspondem aos ciclos em que existe uma procura intermédia e as horas de Ponta equivalem a horários de maior utilização.

O período de Fora de Vazio corresponde a uma adjunção dos períodos Cheias e de Ponta. Nas tarifas bi-horária e tri-horária, o período de Vazio inclui os períodos horários de Vazio normal e Super vazio.

Gostamos de ver nossos clientes satisfeitos com todos os nossos serviços.

Por isso a melhor forma de gratificar os clientes que recomendam os
nossos serviços é ajudar naquelas contas do dia-a-dia.
Recomende nossos serviços e recebe uma gratificação.

Conheça a nossa garantia de serviços

A nossa missão é ajudar na concretização dos seus sonhos com as melhores condições do mercado.

Valores

  • Confiança
  • Excelência
  • Compromisso
  • Ética
  • Segurança
  • Transparência

Future

Marca Comercial de

Morada

Rua das Mimosas 17-A

3070-747 Praia de Mira

Portugal

Intermediário de Crédito: Vinculado, registado no Banco de Portugal com o nº 0006010

Mutuantes com contrato de vinculação: NOVO BANCO, SA; BANCO BPI, SA; BANKINTER, SA – SUCURSAL EM PORTUGAL; BANCO CTT, SA; CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS, SA; BANCO SANTANDER TOTTA, SA; ABANCA CORPORACÍON BANCARIA, S.A.; UNION DE CRÉDITOS INMOBILIÁRIOS -ESTABLECIMIENTO FINANCIERO DE CRÉDITO (SOCIEDAD UNIPERSONAL) –SUCURSAL EM PORTUGAL. Sem exclusividade, para a prestação dos seguintes serviços: apresentação ou proposta de contratos de crédito consumidores, assistência a consumidores, mediante a realização de atos preparatórios ou de trabalhos de gestão pré-contratual relativamente a contratos de crédito que não tenham sido por si apresentados ou propostos e prestação de serviços de consultoria.

Apólice Seguro de Responsabilidade Civil: Crédito Hipotecário: 2520213 – Hiscox, S.A. Sucursal em Portugal, válido de 25/06/2020 até 24/06/2021 | Crédito ao Consumo:  2520214 – Hiscox, S.A. Sucursal em Portugal, válido de 25/06/2020 até 24/06/2021.

Centro de Resolução de Conflitos: CNIACC – www.cniacc.pt | CACRC – www.centrodearbitragemdecoimbra.com